CRB vence o Globo e segue na 3ª colocação do Grupo B da Copa Nordeste: 2 a 0
18/02/2022 10:31 em ESPORTES

O CRB passou pelo Globo-FC, mas não tão fácil como se esperava. Em jogo na noite dessa quinta-feira (17), no Estádio Rei Pelé, fechando a 5ª rodada da Copa do Nordeste, o Galo venceu por 2 a 0. Poderia ter sido bem mais elástico o placar, mas o time alagoano desperdiçou muitas chances.Quem não desperdiçou foi Marcinho, com um golaço, balançando a rede para o Regatas, no 1º tempo, e Anselmo Ramon, na segunda etapa. Clique aqui para ver o Tempo Real

Mesmo com a vitória, o Galo segue na 3ª colocação do Grupo B, com 8 pontos, aproximando da liderança do grupo. Já o Águia Querida é o vice-lanterna do Grupo A, com apenas dois pontos.

Sem tempo a perder, nem para descansar, o CRB volta a campo já neste domingo (20), no Batistão-SE, às 18h30, contra o Sergipe; enquanto o Globo recebe o Altos, também no domingo, mas mais cedo, às 16 horas, no Barrettão-RN. Ambos os jogos são pela Copa do Nordeste.

1º Tempo

Jogadores do CRB comemoram o gol - Foto: Ailton Cruz / Gazeta de Alagoas

O início da primeira etapa começou com o CRB saindo para o jogo e a boa tentativa foi de Diego Torres, que ajeitou para Anselmo Ramon, mas ele mandou a pelota para fora, no 1º minuto. O Galo seguia sem dar chance ao Globo e pressionava. Aos 2min, em cruzamento para a área, Maycon pegou e, jogou na marca da cal, por cima, mas pegou fraco na bola. Aos 9min, o CRB teve tudo para abri o placar. O Globo errou na saída de bola, na sequência da jogada, Anselmo Ramon recebeu perto à marca da cal e, ao invés de chutar, resolveu tocar de novo, dando tempo ao zagueiro para cortar o lance. Era um verdadeiro bombardeio do time regatiano.E o bombardeio deu certo. Aos 12 minutos, veio o gol regatiano: Marthã roubou a bola, Marcinho chutou bonito, da entrada da área do Globo, acertando o ângulo de André Zumba e botando o Galo na frente: 1 a 0.

Só dava CRB na partida. Aos 15’, Diego Torres bateu a falta direto para o gol, tirou da barreira, mas viu a bola tocar na rede pelo lado de fora. O duelo se aproximava dos 20’ e o Globo saiu um pouco mais de trás. Mas o CRB era absoluto em campo, estava fácil para o time de Marcelo Cabo.

Aos 25 minutos, Maycon recebeu a bola e mandou uma bomba, a bola tocou no travessão, ainda desviou na zaga e o arqueiro mudou a trajetória dela na sequência e ela foi para fora. O lance assustou o time do Globo. O CRB chegava com facilidade na área e poderia até estar vencendo por um placar maior. A equipe potiguar chegou duas vezes e não arriscou em nenhuma delas.

Aos 32’, em uma dessas chegadas, Adílio, sozinho, cobrou escanteio e ganhou tiro de canto, após Gilvan desviar a bola pela linha de fundo.A partida se aproximava dos 40 minutos e o placar não havia se alterado. Chances não faltaram para o CRB, mas o segundo gol não saiu, de certo modo, frustrando os torcedores regatianos.O duelo chegou aos 45 minutos, a árbitra decretou dois minutos de acréscimos, indo até os 47min, e o placar da primeira etapa não foi alterado: 1 a 0 para o CRB.

 

2º Tempo

CRB foi só pressão em cima do Globo na partida - Foto: Ailton Cruz

No 2º tempo, o CRB quase fez o segundo aos 2 minutos. Raul Prata recebeu a bola, mandou para a perna canhota e chutou, vendo a pelota triscar a trave direita do Globo e ir para fora. O Galo tinha dificuldade para chegar e não arriscava mais, não finalizava. Percebendo isso, o técnico Marcelo Cabo fez logo três substituições em sua equipe.

Aos 11min, o Globo tentou quando Adílio cruzou por baixo, dentro da área regatiana, mas Geovane deu uma furada na hora em que foi finalizar. E o tempo passava, chegava aos 15 minutos de bola rolando. Demorou, mas saiu o segundo gol do Galo. Foi aos 16min. Gum deu a assistência e Anselmo Ramon cabeceou bonito para o fundo da rede: 2 a 0.

Depois do segundo tento, o CRB passou a tocar a bola com mais tranquilidade. Mas aos 22min, quem chegou foi o Globo. Adílio foi veloz, entra na área do Galo, ficou cara a cara com o goleiro, mas cruzou para a defesa da Águia e, na sobra, Hiltinho se enrolou todo e perdeu a chance.

A partida chegava aos 30 minutos, o CRB estava tranquilo em campo, satisfeito com o placar, e administrava bem a vantagem. Aos 36min, o Galo tocava a bola no campo de defesa. E o técnico Cabo já tinha feito mais duas substituições em seu time. Mesma coisa o Globo fez. E, chegando ao final do confronto, o Galo só fez seguir administrando o resultado. A partida foi até os 49 minutos, com os 4 determinados pela árbitra, que encerrou o duelo no Rei Pelé.

Lance da comemoração do gol de Ramon, o segundo do CRB no jogo - Foto: Ailton CruzGlobo - André Zuba; Alessandro, Gravatá, Mael e Márcio (Anderson); Ramon (Jonathan), Geovane (Chaparral), Hitalo (Judson) e Hiltinho (Joãozinho); Adílio e Nino. Técnico: Romildo Freire.

Árbitro - Thayslane de Melo Costa (CBF-SE).

Assistentes - Wendel Augusto Lino de Jesus Melo (CBF-SE) e Renner Lisboa dos Santos (CBF-SE).

Quarto árbitro - Jonata de Souza Gouveia (CBF-AL).

Ficha Técnica

CRB - Diogo Silva; Raul Prata, Gum, Gilvan e Romão (Bryan); Claudinei (Jean Patrick), Marthã e Diego Torres (Longuine); Maycon (Gustavo Apis), Marcinho (Negueba) e Anselmo Ramon. Técnico: Marcelo Cabo.

COMENTÁRIOS

PUBLICIDADE