Polícia prende suspeito de matar morador de rua e esconder corpo no meio do lixo na Vila Emater
01/06/2022 08:58 em POLICIA

A Polícia Civil (PC) prendeu, na tarde dessa terça-feira (31), no bairro do Poço, em Maceió, o suspeito de ter matado o morador de rua José Marcos Ferreira Gonzaga, em outubro de 2019, na favela do antigo lixão, no bairro de Jacarecica. Ao ser interrogado, o autor disse que matou por vingança.A prisão foi efetuada pela equipe da Delegacia de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP), sob o comando do delegado Fábio Costa. O suspeito responde por homicídio qualificado (sem ter dado chance de defesa à vítima).

A investigação apontou que o crime foi cometido cinco dias antes de o corpo de José Marcos ser localizado pela polícia, enrolado em um saco plástico, em meio ao lixo. 

A polícia descobriu que o autor e a vítima bebiam com outras pessoas, no dia 19 de outubro de 2019, no Conjunto José Tenório, bairro da Serraria. Algum tempo depois, o suspeito teria convidado o morador de rua para continuar a bebedeira na favela do antigo lixão. Lá, o suspeito teria pego um tijolo e desferido vários golpes na cabeça da vítima, que a levou à morte. Ele disse que se lembrou de uma briga de José Marcos com o seu irmão, ocorrida dias atrás, e, por isso, resolveu vingar o episódio, confirmando que o crime foi premeditado.

Depois , ele contou que envolveu o corpo em uma sacola plástica e o arrastou, numa carroça de carregar lixo, até o lixão da Vila Emater. Ali o desovou até que a polícia foi chamada, no dia 24 de outubro de 2019, para a cena do crime. Muitas pessoas viram o suspeito levando o corpo da vítima, mas, segundo relatos, não denunciaram porque ele é muito temido na região.

O suspeito informou que trabalhava como catador de lixo à época. Agora, está preso preventivamente e à disposição da Justiça.

COMENTÁRIOS

PUBLICIDADE