PMDB 'expulsa' PDT da base do governo e partido perde cargos
21/03/2016 14:40 em POLÍTICA

Foto: Adailson Calheiros / Arquivo

Ronaldo Lessa diz que rompimento com o PMDB foi cordial e que devolverá os cargos ao Executivo

Ronaldo Lessa diz que rompimento com o PMDB foi cordial e que devolverá os cargos ao Executivo

Depois de oficializar apoio à reeleição do prefeito Rui Palmeira (PSDB), o presidente regional do PDT, o deputado federal Ronaldo Lessa, foi ‘expulso’ da base governista. O governador Renan Filho (PMDB) fez o anúncio do rompimento na manhã de sexta-feira (18) e com isso, o partido perde os cargos do Executivo, que hoje é a Secretaria de Estado do Trabalho.

Ronaldo Lessa disse que o rompimento foi feito com cordialidade entre ele e o governador, e os cargos que antes pertenciam ao partido serão devolvidos a Renan Filho. Em compensação, o PDT ganhou duas secretariais municipais, Esporte e Lazer e  Trabalho, Abastecimento e Economia Solidária (Semtabes).

O motivo do rompimento  entre as legendas não foi informado, mas deixa claro que o anúncio do apoio a reeleição de Rui Palmeira e o anúncio da pré-candidatura de Cícero Almeida para Maceió pode ter sido o desentendimento entre PDT e PMDB, ou entre Ronaldo Lessa e Renan Filho.

Ainda se cogitava uma possível coligação entre PMDB e PSDB, que foi descartada logo após o anúncio da pré-candidatura de Cícero Almeida. Talvez, ao tomar a decisão de apoiar Rui Palmeira, o presidente do PDT estivesse pensado em ser a ponte que ligaria as duas legendas, e o resultado foi desastroso do ponto de vista do governo estadual.

Esse foi papel que ele adotou nas últimas eleições quando pensou, na disputa para o governo estadual em formar o famoso “chapão” que iria aglutinar as forças políticas em torno de um único nome, o que acabou não vigando.

É assim que Lessa tem se posicionado, como um grande articulador político, e talvez por isso tenha sido eleito o líder da bancada alagoana na Câmara Federal, exatamente pelo seu perfil de negociador.

APOIO A RUI

Há quase 10 dias, o deputado federal Ronaldo Lessa declarou o seu apoio a reeleição de Rui Palmeira. Segundo ele, essa foi uma decisão pessoal e a escolha pelo atual prefeito aconteceu por conta da conjuntura política e por questões de foro íntimo.

Sobre uma aliança entre as legendas, o parlamentar preferiu não comentar, disse apenas que o PDT tem demonstrado tranquilidade com relação a sua decisão de apoiar Rui. A aliança entre as legendas não foi descartada já que o deputado declarou que o partido deve avaliar essa parceria.

Ronaldo Lessa garantiu que não deve disputar as eleições municipais, a ideia é concluir o seu mandato lá em Brasília. O deputado disse que prefere ficar fora da disputa entre João Henrique Caldas (PSB), Cícero Almeida (PMDB) e Rui Palmeira (PSDB). Para o deputado federal, a disputa é  somente para presidência da república.

COMENTÁRIOS

PUBLICIDADE